Laboratório: como é ser parte de uma geração profética

Resolvi fazer uma pesquisa de campo. Me misturar em meio aos evangélicos comuns. Aquele tipo que consome as músicas que estão na moda, compram livros que prometem revelações bombásticas que mudará sua vida como nem a Bíblia conseguiu fazer e que frequentam cultos de jovens que não terminam nunca. Minha intenção é saber mais sobre esta espécie. O que pensam? Onde vivem? Por que comem no Habibs e McDonalds? Como procriam? Tá… como procriam e eu já sei. Mas ainda sim havia um universo inteiro de coisas a descobrir.

Pra começar organizei a lista de cantores que preciso ouvir. Puxa, tem um que faz até promoção de passeio de limusine. Outro vende produtos de grifes, personalizados pra ficar mais evangelístico! Como vivi todos esses anos sem frequentar um Pub Gospel? É muito legal o lugar… igualzinho os bares “do mundo”. Eita povo de Deus que sempre me surpreende. Tem sempre um irmãozinho que dá umas voadoras nas irmãs ali no canto, como se estivessem bêbados numa balada PROFANA. Ainda bem que não somos como esses ímpios.

Pensei nos cultos abençoadíssimos que irei participar daqui em diante. Que beleza estar unido com os irmãos enquanto Malaquias 3 é citado fora de contexto e uma musiquinha é tocada para que eu me mexa em direção àquela caixinha de madeira no final do corredor com um envelope em mãos. Fogo puro!

E que ministrações incríveis eu irei presenciar! Pastores contando seus testemunhos de vida… sobre como seguir o Manual do Crente Shabanáias Indenévrias mudou a sua vida e pode mudar a minha também. Ainda bem que esse lance de ler trechos da Bíblia está em desuso. Muito melhor receber a benção mastigada pelo meu pastor fashion malhadão.

Sabe… pensei, pensei. E concluí que 45 segundos (tempo necessário pra pensar em tudo isso que descrevi) já é tempo demais pra um ser humano suportar.

Se isso aí é ser crente, então parece que o Evangelho de Cristo trata de outro assunto.
Parei! Drogas, tô fora.

Você pode gostar...

8 Resultados

  1. Lamentavelmente esta é a pura realidade. Como diz o nosso mano Ariovaldo Ramos ( O outro kkk ),” Retornemos as catacumbas.”

    Parabéns Ariovaldo Junior !

  2. Isso dá um bom TCC lá na teologia!!

  3. Fernando Sumaré disse:

    TCC ousado. Legal!!!

  4. Edmilson Silva Ramos disse:

    Cara, e pensar que eu ivi nesse meio. Como suportei tanto tempo???

  5. PHILLFELIX disse:

    EEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEITA! É ISSO “MERMO”!

  6. Eu infelizmente (ou felizmente, sei lá!) tou nessa também. Também não consigo (e olha como tentei…) fazer parte de uma igreja evangélica comum. Amo a igreja, mas o meio gospel me irrita… principalmente depois de um certo tempo de convivência com ele. Como eu anseio em me encher da Palavra junto a meus irmãos em Cristo, apesar de existir uma igreja a cada cinco metros perto da minha casa, não aguento ficar tempo suficiente me arrolar como membro.

    Gostaria que houvesse igrejas e pastores como os que eu vejo na internet, próximo a minha casa, para que eu pudesse levar minha família, como a igreja do pastor Ariovaldo Jr. Tenho fome de Deus e isto continua em mim mesmo depois de anos sem fazer parte de uma congregação evangélica.

  7. Leonor Cordeiro disse:

    Graça e Paz do Senhor! Sou feliz com minha Igreja, hoje fazem parte: O Pastor , um grupo de adoradores com 7 membros, mais uns 4 membros ativos, o restante foi embora, sabe por que? Por que ali se prega a palavra verdadeira e não a Teologia da Prosperidade…Estamos sendo sustentados por Deus! Grande abraço

  8. While checking out DIGG yesterday I noticed this…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.